Muito provavelmente você é um dedicado artista em busca de ganhar dinheiro com a sua arte, não é mesmo? E já deve também ter escutado que não é possível viver através dos frutos do desenho, mas saiba que não é bem assim.
Existem mercados bem atrativos e lucrativos para quem deseja se dedicar a essa carreira. Listaremos as opções em que você pode começar desde já!

produtos

Sabemos que a internet tem sido um grande polo para vendas de uma infinidade de produtos, que tal se beneficiar dela?

Criação de produtos

Talvez você tenha dificuldade em pensar em qual produto você poderia criar para comercializar…

Aqui vão algumas opções: Prints, posters, chaveiros, bottons, adesivos, canecas, capas de cadernos, marca páginas, calendários… Todos eles com a sua arte impressa.

Onde vender?

Você pode criar uma variedade de itens com a sua arte e vende-los em uma lojinha virtual. Para criar a loja temos várias alternativas, a exemplo temos os sites: Etsy, Elo7, Mercado livre, Nuvem shop, Amazon e até mesmo a Shopee.

Existe uma plataforma pouco conhecida no mercado brasileiro que é a Gumroad, nela as taxas são similares ao etsy mas com uma importante diferença, as taxas de cobrança ocorrem somente quando há uma venda e não a cada período como no caso do Esty. Além de contar com um sistema de e-mail marketing, especialistas em vendas recomendam adotar esse tipo de ferramenta para vendas recorrentes pois cria uma aproximação com seus possíveis clientes.

Nessa estratégia de monetizar sua arte, você teria de fazer todo o trabalho de fabricar o produto, embalar e despachar o produto. Ah, e é importante verificar as taxas cobradas pelas plataformas!

Existem sites como o Redbubble, Society6, Zazzle, Teepublic, Colab55, são plataformas que facilitam a configuração de uma loja virtual e lidam desde de o processamento de pedidos, fabricação, pagamento e envio, permitindo que você se concentre apenas na criação de novos desenhos.

Divulgação

De todo modo irá ser necessário fazer toda a parte de divulgação e marketing da sua loja para que as vendas aconteçam.
Tenha em mente não desanimar, pois para começar a ter relevância nessas plataformas é necessário esforço e muita divulgação, além de paciencia e consistencia. Mas, acredite existem ilustradores que conseguem levantar uma quantia bem relevante em vendas.
Com um pouco de marketing e dedicação, vender produtos na internet pode se tornar uma fonte lucrativa de renda a longo prazo.

Desenhar para Banco de Imagens

Descubra como ganhar dinheiro com ilustração no Freepik!
Imagem: Reprodução (Freepik)

Se você é um artista talentoso considerar desenhar para bancos de imagens pode ser uma ótima maneira de ganhar dinheiro com seus desenhos de forma passiva.

Esses bancos são plataformas para vender suas criações para uma ampla audiência, que inclui empresas, designers gráficos, profissionais de marketing e muito mais.

Subindo um arquivo de desenho para os stocks você recebe um valor monetário toda vez que alguém compra uma licença para usar sua arte. Isso pode gerar uma renda passiva consistente ao longo do tempo, especialmente se você tiver uma grande coleção de desenhos de alta qualidade disponíveis para venda.

Os bancos

Atualmente o site de imagens que paga melhor a cada imagem é a Adobe Stock. Já a Shutterstock funciona com níveis de download, quanto mais ilustrações suas são licenciadas maior o nível e maior o valor recebido posteriormente.

Muito conhecido nos vídeos de Youtube, é o Freepik! Honestamente, os valores nele não são nada altos… Mas vale a pena? Bem, se for pela questão da popularidade, sim! Pois dificilmente você passa algum dia sem alguém fazer download, você acaba ganhando na quantidade.

Vale ressaltar que tudo depende do que você está disposto(a), porque seu ganho irá ser proporcional a quantidade de desenhos disponibilizados na plataforma e downloads feitos. Mais downloads maior a remuneração.

Dicas

  • Pense em um bom nome ao se inscrever para o programa de contribuidores, pois nos sites Freepik e Shutterstock não é possível mudar o nome posteriormente.
  • Para conseguir obter resultados significativos é necessária dedicação e consistência pois quanto mais imagens, maior o ganho.
  • Procure explorar as datas comemorativas e criar artes para essas datas.

Commissions

Esse talvez seja o meio mais conhecido para ganhar dinheiro com ilustrações, com as commissions ou comissões!

Oferecer serviços de comissão é uma ótima maneira de ganhar dinheiro com seus desenhos, melhor ainda se for para o mercado internacional.
Muitas pessoas estão dispostas a pagar por ilustrações personalizadas para diversos fins, como retratos, ilustrações de livros, logos, convites e muito mais.

Como começar?

Primeiramente, escolha um nicho! Pode parecer difícil, mas esse é o melhor caminho.

Produza as artes, descreva e coloque hashtags de acordo com o nicho em que você está se dedicando. Isso fará você atrair o público em que deseja realizar a venda.

Fuja em criar posts e conteúdos que atraiam outros ilustradores, como por exemplo vídeos de timelapse de desenho.

Crie algumas versões das artes que pretende comercializar, assim como o valor e as paletas de cores.

Você pode divulgar seus serviços em suas redes sociais e participar de grupos ou fóruns relacionados a arte e design.
Estabeleça preços justos e claros para seus serviços, com base no tempo, complexidade e uso pretendido da ilustração.
Mas lembre-se de ficar esperto quanto aos golpes, acredite existem muitos tentando enganar ilustradores.

Talvez você também se interesse sobre esse post que fala sobre os Melhores Apps para desenhar!

Freelas

Trabalhos de freelancer e outra maneira popular de ganhar dinheiro com desenhos.

Como?

Nesse tipo sim, é necessário um portfólio! E mais uma vez, é necessário um nicho a ser trabalhado.
Existem muitos mercados para serviços de freela, então é primordial você produzir artes voltadas para o mercado em que quer trabalhar. É uma forma de segmentar e atrair seu cliente ideal.

Mercados

Games, concepts, infográficos, produtos, storyboards – animatics, mercado editorial – didáticos, livros infantis, juvenis, adulto, revistas – os campos são vastos.
Estude qual você se identifica mais!

Onde?

Você pode oferecer seus serviços como ilustrador freelancer em plataformas online especializadas, como Upwork, Freelancer e Fiverr, recentemente o Behance está com opções para contratação também.

Estabeleça um perfil profissional, destaque seus melhores trabalhos e defina suas taxas de acordo com a complexidade e o tempo necessário para cada projeto.

Além disso, você pode buscar oportunidades de freelancer em sites de trabalho remoto, grupos de redes sociais e fóruns de arte.

Você terá a flexibilidade de escolher os projetos que deseja trabalhar e os clientes com quem deseja colaborar, o que lhe permite expandir sua experiência e construir uma reputação sólida na indústria.

Youtube

Criar um canal no Youtube mesmo sem ser sobre artes e desenhos já é em si uma maneira lucrativa se você dedicar um tempo para isso, mas você pode aliar seus dons artísticos também! 🙂
Para ter um canal é preciso conhecimentos que irão um pouco além do ensinar artes. É necessário entender um pouco de roteiro, edição, iluminação e etc…

Assim como os itens anteriores, ter um canal vai demandar esforço e dedicação. Antes de ser monetizado com o adsense do google, é preciso preencher alguns requisitos, como a quantidade de inscritos por exemplo.

O google sempre vem inovando, e atualmente há outros jeitos de ganhar com um canal antes mesmo da monetização com os anúncios – sessão de membros, recomendação de produtos, stickers, valeu, etc…

Criar um canal com o foco em artes pode ser inspirador, você pode ensinar como desenhar, pintar, falar sobre o mercado, recomendar materiais de artes e cursos.

Se optar por essa estratégia, estude mais afundo sobre os mecanismos e peculiaridades do algoritmo, mas sem dúvida se você tem o perfil, essa pode ser uma ótima maneira de ter um rendimento passivo.

Ensinar

Professor… Que tal ensinar as pessoas a desenhar ou pintar? Pode ser uma carreira muito legal a se levar em consideração. Além de poder trabalhar em escolar de desenho, aulas particulares, workshops, tutoriais online, também é possível criar cursos e até ensinar através do youtube.

Feiras de eventos

Participar de feiras de arte e artesanato é uma excelente oportunidade para expor e vender seus desenhos diretamente para o público.
Procure por feiras locais, regionais ou até mesmo nacionais que tenham um público-alvo alinhado aos seus interesses e estilo de arte.

Ao preparar seu estande, certifique-se de exibir uma variedade de seus melhores trabalhos, incluindo prints, originais e produtos derivados de seus desenhos.

Além de vender suas criações, as feiras também oferecem a oportunidade de interagir pessoalmente com os clientes, receber feedback direto sobre seu trabalho e fazer networking com outros artistas e profissionais do setor.
Participando regularmente de feiras, você pode construir uma base de clientes fiéis e aumentar sua visibilidade como artista, contribuindo assim para o seu sucesso financeiro.

Conclusão

Desde desenhar para bancos de stocks até participar de feiras e ensinar, há uma variedade de oportunidades disponíveis para artistas talentosos.

No entanto, é importante lembrar que o sucesso nesse campo requer dedicação, persistência e habilidades de marketing.

Procure diversificar suas fontes de renda e aproveitar as plataformas online e offline disponíveis, você pode transformar sua paixão por desenhar em uma carreira lucrativa e sustentável.

Lembre-se sempre de continuar aprimorando suas habilidades, construir sua marca pessoal e manter-se atualizado sobre as tendências do mercado de arte.

Com determinação e criatividade, você pode alcançar seus objetivos financeiros enquanto faz o que ama.

Guarde esse Pin para sempre que precisar!


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *